Ministro da Pesca defende a adoção do pescado na merenda escolar.

Altemir Gregolin visitou o Centro de Pesquisa em Gastronomia da Anhembi Morumbi e ressaltou a importância de receitas baratas e práticas.


Altemir Gregolin, ministro da Pesca e Aquicultura, defendeu nesta quarta-feira (09.09) a inclusão do pescado nas 37 milhões de refeições que são servidas por dia na merenda escolar de todo o País, assim como a capacitação das merendeiras para execução de novas receitas com pescados. “Gostaria que o pescado fosse incluído nas refeições escolares”, disse. Gregolin admitiu que o peixe ainda é um item caro para o bolso do brasileiro, mas ressaltou a importância do desenvolvimento receitas mais baratas e de fácil preparo. O peixe é fonte de vitaminas A, B e D, além de minerais como cálcio e fósforo. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), é recomendável o consumo mínimo de 12 quilos de pescado per capita/ ano. No Brasil ele não passa de 6,8 quilos.

As declarações foram feitas em sua visita em São Paulo, na Universidade Anhembi Morumbi por ocasião do lançamento da 6º Semana Nacional do Peixe, promovida pelo governo federal. Gregolin conheceu o Centro de Pesquisa em Gastronomia Brasileira da Anhembi Morumbi onde professores e alunos se colocaram à disposição para desenvolver um receituário de acordo com suas instruções. Durante a visita à Universidade, o ministrou provou o prato com costela de tambaqui e elogiou as iniciativas da instituição para pesquisas que valorizam a culinária regional e produtos brasileiros, como os vários tipos de farinha de mandioca e a própria mandioca. “Testamos para esta Semana do Peixe diversas receitas no laboratório do Centro de Pesquisas em Gastronomia Brasileira da universidade para oferecer receitas saborosas e práticas, que possam ser incluídas facilmente no cardápio dos paulistanos. A variedade de pescado vai de costela de tambaqui a camarão cinza, passando por tilápias, pirarucu, camarão grande, beijupirá, entre outras”, declarou o coordenador do Centro de Pesquisa em Gastronomia da Anhembi Morumbi, Ricardo Maranhão.

Fonte:RP1 Comunicação